LOGO

DEVOCIONAL

DEVOCIONAL

LUZ OU TREVAS ?

Por Administrador | 25/10/2021

"O julgamento é este: que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais trevas do que a luz, porque as suas obras eram más." João 3.19

O que diferencia o homem do resto da criação de Deus é que ele, como imagem e semelhança deste Ser Divino, possui intelecto e responsabilidade por seus atos. Tendo sido criado com perfeição, o homem se constituiu na coroa da criação de Deus. O livro da criação nos diz que quando terminou de criar o homem e todos os demais seres viventes, assim como o céu e a terra, Deus se agradou de tudo o que fizera (Gênesis 1.31).


Infelizmente, após a queda do homem, quando este desobedeceu a Deus, vindo a pecar contra Ele, comendo do fruto que lhe fora proibido, o homem então passou a experimentar as consequências do pecado, vindo a ser corrompido em todos os seus atos e todos os seus pensamentos. O vínculo de união que havia entre o homem e Deus foi quebrado. É justamente aqui que compreendemos a Bíblia, quando diz, que o pecado afasta o homem de Deus. Acerca disto, o apóstolo Paulo, diz da seguinte maneira, em Romanos 3.23. "Todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus".

Do momento que o homem passa a viver afastado de Deus, consequentemente começa a viver uma vida afastada de seu semelhante. Todavia, a Bíblia diz que esse afastamento é destruído pelo próprio Deus, mediante a ação salvadora de seu Único Filho Jesus. Foi para isto que Jesus morreu na cruz do Calvário. O texto diz: "Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo que Nele crê já está julgado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus".


Para corroborar esta maravilhosa explicação, outro apóstolo, no caso João, como destacamos acima, ensina que homem sempre terá a tendência de escolher andar nas trevas do que na luz. Trevas aqui, fala do modo de viver totalmente distante de Deus, sem compromisso com Deus e a sua palavra e sem a preocupação de agradar nosso Criador. Por sua vez, andar na luz, significa andar dirigido por Deus, comprometido com sua Palavra, tendo como princípio fundamental de vida, a renúncia.

É justamente aqui, que podemos explicar, porque muita gente prefere as trevas e não a luz. Porque quem anda em trevas não tem a preocupação de renunciar a nada, já quem anda na luz precisa dizer não a si mesmo todos os dias, e dizer não a nós mesmos é o maior desafio de todo verdadeiro cristão. Dito tudo isto, concluímos deixando a pergunta desta reflexão: Luz ou trevas?


Deus nos ajude andar na luz!

Últimas Fotos


ÚLTIMAS FOTOS

Batismo 02/05 - Homens 03

Veja Mais
ÚLTIMAS FOTOS

Batismo 02/05 - Homens 02

Veja Mais
ÚLTIMAS FOTOS

Batismo 02/05 - Homens 01

Veja Mais
ÚLTIMAS FOTOS

Batismo 02/05 - Mulheres 07

Veja Mais